Geral

Testemunha mente durante depoimento em Concórdia, e é condenado pela Justiça

21 de Outubro de 2020
Publicidade

Um homem prestou falso testemunho durante a instrução de um processo na Vara Criminal de Concórdia, sem saber da prisão de um conhecido pelo crime de tráfico de drogas.

No caso em questão, a testemunha alegou ter conversado presencialmente com um homem em período que ele estava preso. Sendo assim, a 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) manteve a condenação pelo crime de falso testemunho.

O acusado foi sentenciado à pena privativa de liberdade de dois anos e quatro meses de reclusão, em regime aberto, e ao pagamento de 11 dias-multa, equivalente a 1/30 do salário mínimo.

Segundo a denúncia do Ministério Público, durante uma operação policial em abril de 2012, dois homens foram presos em flagrante por tráfico de drogas. Em outubro, um homem que realizava serviços na casa de um dos presos foi intimado como testemunha. 

Nesse momento, durante o depoimento, ele informou que teria recebido no dia seguinte ao flagrante a visita do segundo homem preso na operação. Ele chegou a dizer que interagiu com o acusado, que na verdade estava recolhido em unidade prisional.


Informações: Atual FM

Clique aqui para fazer parte do nosso grupo de notícias. 

Tags: Canal Ideal; Concórdia; Justiça; Testemunha; Mente; Depoimento

Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Publicidade

2020 © CANAL IDEAL Todos os Direitos Reservados.