Geral

Família de adolescente que lutava contra leucemia fará a doação de medicamento de R$139 mil

08 de Abril de 2021

Foto: Divulgação/redes sociais

Publicidade

A mãe da adolescente de Ponte Serrada Laura Paula Martins, de 14 anos, usou as redes sociais para esclarecer a destinação dos valores arrecadados na campanha online que a família desenvolvia.  Laura enfrentava uma leucemia mieloide aguda pela segunda vez e buscava recursos para a compra de um medicamento que custa R$ 139 mil. Ela morreu no sábado (3), após complicações respiratórias, causadas pela Covid-19, e não chegou a utilizar o remédio.

“Escolhemos esclarecer de forma pública, pois muitas pessoas nos ajudaram nessa batalha e tem o direito de saber como estão as coisas. Sabemos que a nossa luta acabou, mais a de muitos paizinhos ainda continuam, pedimos com carinho para que todos devolvam as listas, pois infelizmente ainda precisamos pagar o restante da primeira dose. E quanto a medicação, faremos doação da mesma, já sabemos que tem outras 3 pessoas no Brasil que fazem uso, essa será a forma de podermos ajudar”, explicou a mãe de Laura, Marivane Dave.

A família fazia uma campanha de arrecadação online e promovia rifas para a compra da primeira dose da medicação, as demais seriam garantidas judicialmente. “Não ganhamos dinheiro judicialmente, iríamos ganhar a caixinha do medicamento cada mês, a qual deveria ser solicitada antes da anterior acabar. A respeito da vakinha e da rifa, sempre fomos claros e honestos aqui, demos a entrada na medicação e um cheque pré-datado, o qual precisamos cobrir nesse próximo mês, por isso a importância do dinheiro da rifa. Perdemos nossa filha e ainda temos a dor de ter que pagar por um medicamento que ela nem pode usar”, lamentou.

Laura estava internada desde janeiro no Hospital da Criança, em Chapecó, onde realizava o tratamento para a leucemia, mas a adolescente testou positivo para a covid-19 no dia 15 de março. O quadro se agravou e ela precisou ser transferida para um leito de UTI no Hospital Regional do Oeste.

“Primeiramente agradecemos a Deus pela honra de termos sido pais de uma princesa tão especial, sempre grata a Deus por tudo, apesar de tudo, e, também, a todos que de alguma forma nos deram força nesse momento muito difícil. Nada vai consertar o estrago e vazio que a perda da nossa guerreira eterna Laurinha nos deixou, mas o apoio de todos vocês nos fez sentir que não estávamos sozinhos. Deus envia anjos amigos nesses momentos de dor”, explicou a mãe. 

Tags: leucemia; laura; ponte serrada; canal ideal;

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Publicidade

2021 © CANAL IDEAL Todos os Direitos Reservados.