Digite no mínimo 3 caracteres!
Justiça

Idosa que viveu 72 anos em situação análoga à escravidão é resgatada no Rio de Janeiro

No ano passado o Brasil registrou o maior número de resgatados em situações degradantes desde 2013

Por: Gabriela Pinheiro
13/05/2022 13h20 - Atualizado há um semana
Foto: reprodução/ TV Globo
Foto: reprodução/ TV Globo

Uma idosa que passou 72 anos em situação de exploração no Rio de Janeiro foi resgatada. Segundo o ministério do Trabalho, o caso é o mais longo de situação análoga à escravidão já registrado no Brasil. De acordo com o órgão, mesmo após 134 anos da Abolição da Escravatura, casos parecidos não são raros.

A assistente social e diretora do centro de recepção de idosos onde a mulher está abrigada, Criatiana Lessa, afirma que ela não tem ideia de que foi escravizada. ‘’ Ela não tem noção alguma disso”.
A idosa não teve a identidade revelada para ser preservada e está aos cuidados da Prefeitura do Rio. 

✅ CLIQUE AQUI E RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM PRIMEIRA MÃO NO WHATSAPP

Quando a mulher foi resgatada, trabalhava como cuidadora da dona da casa e dormia em um sofá, na entrada do quarto principal. Uma denúncia levou o Ministério do Trabalho até o local.

Alexandre Lyra, auditor fiscal do trabalho contou que os empregadores falavam pela idosa e guardavam os documentos dela. “Essa senhora, que os empregadores alegam que é da família - e não é - ela fica absolutamente submissa. O empregador que fala por ela. Qualquer resposta que a gente solicita dela, é o empregador que responde. Os documentos dela não estão de posse dela mesma.”

Maior número desde 2013

No ano passado, o país registrou o maior número de pessoas resgatadas de condições análogas à escravidão desde 2013.

Mesmo com a existência de uma legislação que determina direitos do trabalhador, 1.937 brasileiros foram salvos de situações degradantes. Em 2013, mais de 2.800 trabalhadores viviam como escravos.

Informações g1

Veja também

Homem agride esposa dentro do carro, perde o controle da direção e colide com poste

O caso aconteceu no final da tarde do domingo (22), em São Miguel do Oeste

VÍDEO: Possível racha deve ser investigado em acidente com morte em Xanxerê

O acidente foi na SC-480 em frente ao CTG do município

Homem em situação de rua é agredido com pedradas em SC

Os autores das agressões não foram presos