Digite no mínimo 3 caracteres!
Comunidade

Mais de quatro mil pessoas foram conferir a feira de flores e pássaros em Chapecó

Feira acontece até a próxima terça-feira (12) no bairro Palmital

Por: Felipe Bastos
10/10/2021 18h30 - Atualizado há 2 semanas
O evento é totalmente gratuito e está sendo realizado na sede da SOCO localizada na rua Fernando Machado. Foto: Divulgação
O evento é totalmente gratuito e está sendo realizado na sede da SOCO localizada na rua Fernando Machado. Foto: Divulgação

Pamela Rodrigues de 12 anos ganhou um presente especial do pai Rui Rodrigues no Dia das Crianças de 2019: um pássaro da espécie agapornis, que foi carinhosamente batizado de Tiui. O animal se tornou o melhor amigo da menina e vai com ela para todos os lugares. A amizade foi tanta, que o pai resolveu presenteá-la com mais um pássaro no Dia das Crianças de 2021.

Pai e filha foram até a 32ª edição da Feira de Flores e Pássaros durante o fim de semana para ver os pássaros e escolher um novo membro para a família. “A gente gosta muito de pássaros, eles são ótimas companhias e merecem todo o amor. O Tiui fica solto em casa, só vai para a gaiola quando ele quer e vive de forma livre e com todos os cuidados necessários”, relata o pai.  

Além de Rui e a filha, o fim de semana foi movimentado na feira. Cerca de 4 mil pessoas já  passaram pela exposição durante o fim de semana. A feira conta com 300 pássaros de espécies diferentes e a programação da primeira edição da feira realizada na primavera segue até o dia 12 de outubro, Dia das Crianças.  

O evento é totalmente gratuito e está sendo realizado na sede da SOCO localizada na rua Fernando Machado, no bairro Palmital. Na  segunda-feira (11), a feira funcionará das 13h30 às 18h e na terça-feira (12) a programação iniciará às 8h30 e segue até às 18h. Além da visitação, as pessoas também podem adquirir os pássaros. O valor de comercialização é a partir de R$ 100 e varia de acordo com a espécie.  

O diretor de divulgação da feira, Claudio Luiz Ioriat, ressalta a importância da participação da comunidade, principalmente para aprender e conhecer mais sobre o mundo dos pássaros e também das flores. “É preciso conhecer para preservar. Muitas pessoas ainda têm preconceitos com a criação de pássaros exóticos, mas não compreende que o trabalho que fazemos é também de preservação da nossa fauna brasileira”, pontua.

Ele ainda acrescenta que todos os pássaros criados possuem todos os cuidados adequados e estão dentro do que prevê a lei.

Veja também

VÍDEO: Moradores reclamam de grande quantidade de serragem espalhada pelas ruas de Ponte Serrada

Reclamação veio de um morador do município que está indignado com a situação

1º Cicloturismo Campina da Cascavel de Xanxerê arrecada mais de mil quilos de alimentos

Entrega dos alimentos para entidades assistenciais será nesta terça-feira (26)

Divulgada lista de artistas credenciados em edital de Intervenção Cultural de Xanxerê

Das 24 inscrições realizadas nas categorias Coletiva e Individual, 12 foram aprovadas