Digite no mínimo 3 caracteres!
Polícia

Motociclista Pitty, como era conhecido, é encontrado morto no Paraná

Ele foi encontrado morto em sua residência, na noite deste domingo (16), em Itapejara D’Oeste, no Sudoeste do Paraná

Por: Felipe Bastos
17/01/2022 09h33 - Atualizado há 4 meses
Foto: Reprodução/Redes Sociais
Foto: Reprodução/Redes Sociais

O ex-morador de Chapecó, Valmir Carlos Kirschner, conhecido como Pitty, de 54 anos, foi encontrado morto em sua residência, na noite deste domingo (16), em Itapejara D’Oeste, no Sudoeste do Paraná. O caso foi registrado por volta das 19h30, na rua Eudes Pichetti, no bairro Industrial. Pitty tem familiares na Capital do Oeste de Santa Catarina e era conhecido pelo amor por motociclistas e pelas ações sociais.

De acordo com informações da Polícia Militar, a guarnição foi acionada após conhecidos irem até a casa de Valmir e o encontrarem caído no chão do banheiro. O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), também foi chamado, esteve no local, onde confirmou o óbito. Mas as causas da morte não foram divulgadas. 

O Instituto Geral de Perícias (IGP) e a Polícia Civil também foram até a residência, e devem investigar o caso. 

Homenagem de amigos

Nas redes sociais diversas pessoas lamentaram a perda de Pitty, que há pouco tempo havia inaugurado um bar em Itapejara D’Oeste. 

“Descansa em paz meu amigo, vou guardar comigo as lindas lembranças você sempre alegre feliz, disposto a ajudar todo mundo, lembrar de você com sua Heineken das muitas risadas e conversas no Tribu’s”, diz uma das despedidas. 

Familiares de Valmir estão em Pato Branco, mas horário e local de sepultamento ainda não foram divulgados. As informações são do Portal ClicRDC.

Veja também

Homem agride esposa dentro do carro, perde o controle da direção e colide com poste

O caso aconteceu no final da tarde do domingo (22), em São Miguel do Oeste

VÍDEO: Possível racha deve ser investigado em acidente com morte em Xanxerê

O acidente foi na SC-480 em frente ao CTG do município

Homem em situação de rua é agredido com pedradas em SC

Os autores das agressões não foram presos