Digite no mínimo 3 caracteres!
Notas de Viagem - por Jessica Edel

Um passeio pelo Caminho da Roça em Concórdia

Conheça o roteiro que é referência em turismo rural na região oeste

Por: Canal Ideal
25/08/2021 15h06 - Atualizado há 2 meses
Um passeio pelo Caminho da Roça em Concórdia

O projeto do roteiro Caminho da Roça surgiu no início dos anos 2000 com estudos de viabilidade para a implantação do turismo rural em Concórdia. O Roteiro foi implantado de forma oficial em 2005, de acordo com o Sr. Agenor Frigo, Diretor Executivo do Águas do Oeste Catarinense Convention & Visitors Bureau, o objetivo do roteiro é valorizar os pequenos agricultores e ofertar bem-estar aos seus visitantes em meio ao ambiente rural.  

Em Lageado dos Pintos, a cerca de 7km do centro de Concórdia, sete famílias mantêm vivas as tradições e permitem que seus visitantes desfrutem do ar fresco, das belezas e culturas do campo.  

A seguir irei falar sobre as propriedades deste que é um dos principais atrativos que se tornaram referência em turismo rural na região.  

 

Viveiro de Mudas Dallegrave

A primeira parada do roteiro, o Viveiro de Mudas Dallegrave tem cerca de 13 anos de funcionamento. Na propriedade, é feito o cultivo de hortaliças folhosas como rúcula, alface, agrião, chicória e cheiro verde (salsa e cebolinha). A comercialização dos produtos bem como as mudas de hortaliças é feita nos mercados e restaurantes de Concórdia e região.

Foto: Reprodução Caminho da Roça  

 

Camping Perondi  

A família deu início às atividades em meados de 2000, quando a propriedade foi mapeada para explorar as opções com potencial turístico presentes por ali.  O acesso se dá por uma estrada com aproximadamente 600 metros e chegando ao local é difícil não se apaixonar pela bela paisagem em meio à natureza.  

A propriedade também conta com um campo de futebol, uma tenda para atender os visitantes que chegam até ali, além de churrasqueiras e dois banheiros. O lugar costuma ser frequentado por famílias, fotógrafos que buscam o espaço para a realização de ensaios fotográficos, visitantes que chegam para a prática de esportes como ciclismo, corrida e caminhada, além de empresas que escolhem o espaço para realizar reuniões e confraternizações em um ambiente tranquilo em meio à natureza.  

Foto: Jessica Edel / Blog Notas de Viagem

 

Moinho Colonial Família Belter  

Tombado como patrimônio histórico do município, o Moinho Colonial da Família Belter é uma construção antiga em madeira com uma arquitetura que remete a cultura dos antepassados. O Moinho está no roteiro desde 2005, quando o Caminho da Roça teve início. Ali os visitantes terão a oportunidade de fazer uma viagem no tempo e conhecer um pouco mais dessa cultura que aos poucos está se tornando tão rara: a produção de farinha em moinhos.

Foto: Reprodução Caminho da Roça  

 

 

Filó Talian

Idealizado em 2013, o Show do Filó é um projeto realizado com a união de amigos e vizinhos, que têm por objetivo resgatar e manter a cultura italiana com apresentações típicas unidas à interação e divertimento de seus visitantes abordando a cultura dos antepassados italianos. Além de possibilitar que experimentem as delícias da gastronomia típica como polenta cortada a fio, fortaia, radichi coti, salame frito, bolinho de pão, sfregolá, brodo e um bom vinho.

O Filó Talian é muito mais que uma apresentação típica, é o resgate da cultura e o respeito aos imigrantes que construíram Concórdia preservando uma história que deve ser mantida e contada às futuras gerações.  

 

Pousada Pelizzaro  

Ainda no Roteiro Caminhos da Roça, outra propriedade que se destaca no Turismo Rural, é a Pousada Pelizzaro. Com as atividades desde 2014, o ambiente possui pousada e quiosque.  

O espaço que antes era um chiqueiro, hoje se transformou em pousada, e o antigo estábulo foi transformado em um Quiosque e hoje recebe diversos visitantes que alugam o local para festas, ou visitantes que vem com suas famílias ou escolas e encontram no Turismo Rural uma boa forma de aprendizado e diversão.  

Foto: Reprodução Caminho da Roça  

 

Família Sgarbossa  

A família possui um viveiro onde produz hortaliças Orgânicas com certificado pela rede Eco Vida (desde junho de 2016) e são Assessorados pelo CAPA de Erechim.  Com início do projeto em 2015, a família foi convidada para fazer parte do Roteiro, e hoje a propriedade faz parte do Grupo de produtores orgânicos de Lageado dos Pintos.  

A propriedade começou a participar do Grupo Caminho da Roça há pouco tempo para receber visitações. No local também há a produção de chás, ovos, uma variedade de hortaliças (folhosas) além de pepino e abobrinha (na época).

Há cerca de três anos iniciou-se o plantio de mudas de frutas cítricas (laranjas, tangerina, limões, etc.) para que no futuro seja possível ter frutas o ano todo.

Foto: Reprodução Caminho da Roça  

 

Sítio Longhi  

Há cerca de 05 anos, o Sítio Longui faz parte do roteiro Caminhos da Roça, por conta da beleza existente no local e por gostar de receber pessoas, a família decidiu entrar para o ramo do Turismo Rural. Com um espaço de 16 hectares totalmente cercado, a família trabalha com camping, aluguel de espaço para festas, onde possui campo de futebol sete e cancha de bocha. Na propriedade também é desenvolvida a atividade de produção de frutas orgânicas, com a qual a família Longhi recebeu do município, o selo ouro em qualidade. A produção de mel também é um fator relevante para a renda da família, que possui mais de 32 colmeias de abelhas que produzem o mel vendido aos visitantes da propriedade.  

Também há a produção de frutas cítricas com uma ampla variedade de laranja e bergamota, além da produção de outras frutas como a jabuticaba e a uva. A propriedade possui ovelhas, búfalos, cavalos, pôneis, galinhas e gansos.  

Foto: Jessica Edel / Blog Notas de Viagem

 

Nativa Flores e Plantas  

A Nativa Flores e Plantas foi um dos primeiros pontos a serem incluídos no roteiro Caminho da Roça. A propriedade foi adquirida logo após o dono do local se aposentar. Com cerca de duas estufas e localizada em meio à natureza, a Nativa Flores e Plantas possui uma ampla variedade de plantas ornamentais e mudas nativas.  

Foto: Jessica Edel / Blog Notas de Viagem

Quer conhecer mais sobre o roteiro Caminho da Roça? Leia a matéria completa no blog Notas de Viagem (clique aqui).  

Veja também

Notas de viagem: Um passeio por Gaurama (RS)

Durante um fim de semana estive conhecendo as belezas e curiosidades do município gaúcho

Florada dos ipês colore ruas de Chapecó

Avenida se transforma com o desabrochar dos ipês-rosas

Um pedaço da Alemanha no Extremo Oeste de Santa Catarina

Conheça São João do Oeste, a capital catarinense da língua alemã